segunda-feira , 28 setembro 2020
Home / Empresas & Negócios / Netflix escolhe Wunderman Thompson no Brasil

Netflix escolhe Wunderman Thompson no Brasil

Depois de desenvolver campanhas e ações publicitárias em parceria com diversas agências do País, a Netflix definiu uma parceria para seus trabalhos de marketing. A plataforma de streaming passa a trabalhar com a Wunderman Thompson, que terá a missão de desenvolver suas campanhas no País.

Além do trabalho de desenvolvimento e execução de campanhas, a Wunderman Thompson também será responsável pela compra de mídia da Netflix no País, tanto nas plataformas off-line como na online.

A parceria entre agência e a marca foi anunciada nesta segunda-feira, 2, por meio de um comunicado feito em conjunto pelas duas empresas. Segue a íntegra:

“A Netflix escolheu a Wunderman Thompson para ser sua nova parceira de marketing no Brasil. A agência será responsável pelo desenvolvimento e execução das campanhas de marketing da empresa no Brasil e compra de mídia online e offline.”

A escolha da Wunderman Thompson, no entanto, não restringe a Netflix de trabalhar com outras agências de publicidade. A plataforma pode produzir outras campanhas e ações com outras empresas de publicidade. A compra de mídia, no entanto, ficará concentrada apenas na agência do Grupo WPP.

Nos últimos anos, a Netflix trabalhou com diferentes agências para desenvolver campanhas de divulgação de suas séries e projetos de conteúdo. Recentemente, aplataforma criou uma barbearia, em São Paulo, com a mesma ambientação do estabelecimento da série “Sintonia”, em uma ação desenvolvida pela AKQA. Foi também com a agência que a Netflix conquistou um Leão em Cannes, por conta do projeto Stranger Broadcast, criado para promover o especial de uma hora e meia sobre a série Stranger Things, no SBT. A plataforma também já teve trabalhos criados pela Lew’Lara\TBWA, DPZ&T e VML.

Publicidade

Veja Também

Fritz-Kola: o refrigerante alemão compete com Coca e Pepsi

O refrigerante alemão Fritz-Kola foi lançado no mercado em 2003 Quando Mirco Wiegert e Lorenz ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *