domingo , 20 outubro 2019
Home / Macaé & Região / Macaé será protagonista da recuperação econômica do Estado

Macaé será protagonista da recuperação econômica do Estado

Evento promovido pela ACIM, em parceria com a Firjan, teve a participação de mais de 100 convidados

Macaé está preparada para iniciar a recuperação econômica do Estado do Rio de Janeiro, por oferecer as condições técnicas necessárias para transformar o gás produzido no país em energia. Essa perspectiva marcou o “Macaé Energia”, evento promovido pela ACIM, em parceria com a Firjan, na noite de quarta-feira (11), que torna-se referência nas discussões sobre as transformações da matriz energética nacional e mundial, ainda pautada pela dinâmica offshore.

No Teatro do Sesi/Macaé, ocupado por mais de 100 convidados, o presidente da ACIM, Francisco Navega, destacou a importância da aliança das instituições empresariais locais em buscar iniciativas que possam antecipar transformações necessárias para que a cidade volte a crescer.

“Mais do que nunca, a ACIM, a Firjan e demais instituições empresariais locais, estão unidas no propósito de conhecer e oferecer o suporte necessário para que grandes projetos sejam instalados em Macaé, atraindo investimentos, gerando empregos, oferecendo a chance da cidade recuperar o caminho do desenvolvimento”, afirmou Navega.

Publicidade

Macaé é a cidade energia

Pauta do primeiro painel do evento, o projeto da Termelétrica Nossa Senhora de Fátima marca mais um passo que consolida Macaé como a cidade capaz de transformar o gás das Bacias de Campos e de Santos em energia. Segundo o diretor da Natural Energia, Luisangelo Costa, a Termelétrica é um projeto voltado a potencializar o que Macaé possui hoje de mais interessante para o mercado de energia.

“Macaé é a cidade que possui a maior capacidade de escoamento elétrico do país. Além disso, oferece as condições necessárias para as operações das termelétricas, elevando a demanda de energia, para tornar viável a revolução industrial que a cidade tanto espera”, destacou Luisangelo.

Protagonista Nacional

Já no segundo painel da noite, o Presidente da ABESPetro, Cláudio Makarovsky, afirmou que não apenas no aspecto de transformação do gás em energia, mas também a revitalização dos campos maduros garantirá a Macaé o início da recuperação da economia do Estado.

“As termelétricas irão acontecer, assim como a revitalização dos campos maduros. Hoje, o Brasil já é uma referência para demais nações petrolíferas de como fomos capazes de aguardar a crise. Soubemos aproveitar a oportunidade de mudar regras, de tornar o mercado competitivo, de encontrar caminhos que possam potencializar toda a nossa experiência e infraestrutura, que agora serão a fonte de uma nova era”, destacou Makarovsky.

Fonte: ABESPetro

Veja Também

Prefeitura de Búzios Lança concurso de fotografia “Meu olhar de Búzios 2019”

Com o objetivo de estimular novos talentos e incentivar a arte da fotografia, a Prefeitura ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *