domingo , 31 maio 2020
Home / Carreira / Como cuidar da saúde mental durante home office na pandemia?

Como cuidar da saúde mental durante home office na pandemia?

Irritação, medo, angústia, tristeza, insônia e mudanças no apetite. Essas são algumas das possíveis consequências do isolamento social em que o mundo está submetido. Para evitar tais sensações, cuidar da saúde mental durante a pandemia de coronavírus é essencial.

Confira algumas sugestões de como lidar de forma positiva com essa situação.
Algumas questões para ter em mente durante a quarentena
Observe seus sentimentos e demandas internas

– manter tudo o que está acontecendo no mundo em perspectiva e relacionar este entendimento ao que você está sentindo vai te trazer autoconhecimento e facilitará o equilíbrio da situação.
Ainda não possui um plano de saúde?
Clique e encontre as melhores opções para você.

pub

Não se cobre para estar 100% o tempo todo

Este é um momento incomum. É completamente normal se sentir triste ou assustado, este período exige muito de nosso emocional. Não estamos acostumados com situações como esta, então novos sentimentos são esperados.
Não se compare com outras pessoas durante o isolamento

Cada indivíduo lida de uma forma com este momento. Tente encontrar a melhor maneira para você.

Não fique ligado às notícias 24h por dia

Estar informado é importante, mas a grande quantidade de informação disponível no momento pode levar qualquer pessoa à preocupação. Tente estipular quanto tempo do dia você pretende se dedicar a leitura de notícias e reduza sempre que for necessário. Busque fontes de informação oficiais e evite boatos.

Práticas para cuidar da saúde mental durante a pandemia de coronavírus

O ideal é envolver-se com atividades saudáveis e de relaxamento. Veja algumas ideias de como seguir uma boa rotina durante a quarentena, mesmo dentro de casa.
Mantenha a sua rotina – não elimine etapas do seu dia-a-dia se puder mantê-las. Acorde, vista-se, tome café da manhã e faça tudo o que faria caso fosse sair de casa. Para outras atividades que não consegue realizar no seu lar, procure alternativas.
Respeite momentos de pausa no home office – tanto para horário de almoço, quanto para finalizar o expediente. Isso evita que você estenda as horas de trabalho e perca os limites entre ofício e lar.
Tente dormir 8 horas por dia – o sono regular faz muita diferença no equilíbrio emocional.
Procure seguir uma dieta balanceada – ter atenção ao que se come e ingerir todos os nutrientes necessários ao organismo permite que os processos químicos do cérebro ocorram de forma adequada. Cuidar do corpo também é cuidar da mente.

cadaste seu negocio DELIVERY aqui gratuitamente.

Exercite-se – mesmo em casa, é possível fazer rápidas séries de atividades físicas de acordo com seu condicionamento. Pelas redes sociais, é possível encontrar rotinas de exercícios, coreografias de dança e também sugestões de alongamento. Canais do Youtube como FitDance, Madfit e Exercício em Casa podem ser úteis.
Tire um tempo para você – pode ser um bom momento para começar a meditar e trabalhar técnicas de respiração que acalmam. Aplicativos como 5 minutos e Medite.se oferecem meditações guiadas.
Seja criativo – aproveite este momento em casa para explorar o mundo de outras formas: por meio de leituras, filmes e músicas. Explore outras habilidades, como um novo idioma, a pintura, o bordado, a escrita e a fotografia. Preze pelos momentos de lazer. Aplicativos como Duolingo, Netflix, Amazon Prime, GloboPlay, Spotify e Youtube podem ser úteis.
Mantenha uma rede de contatos – reconecte-se com quem vive junto com você e converse também com quem está longe. Recorra às ligações telefônicas, mensagens por redes sociais, e-mails ou conferências pela câmera do computador/celular. Ter pessoas que te fazem bem por perto torna qualquer situação mais simples. Aplicativos como Skype, Google Hangouts e House Party podem ser úteis.
• Caso tenha crianças em casa, incentive que elas se expressem – é um momento desafiador e elas também podem sentir isso. Dar espaço para que elas se comuniquem faz com que se sintam apoiadas. Atividades lúdicas ou pedagógicas, como desenhos e música, podem auxiliar nesse processo e ainda estimular a criatividade e socialização. Plataformas como a da Faber Castell e do Kinedu oferecem atividades online.
• Evite maneiras prejudiciais para lidar com o estresse – como o uso de tabaco, álcool ou outras drogas. A longo prazo, estes vícios apenas trazem malefícios a sua saúde, tanto física quanto mental.
É importante filtrar todas as ideias sugeridas aqui e colocar em prática apenas aquilo que funciona para você, levando em consideração seu estilo de vida e preferências. Experimente novas atividades ou tente utilizar o que deu certo no passado e que pode ser útil de novo. Tome seu tempo para cuidar de sua saúde mental.

Segundo o psicologo Pablo Henrique Claudino (CRP 05/54407)  a psicoterapia online é a modalidade de atendimento psicológico que mais cresce no Brasil. A prática é regulamentada pelo Conselho Federal de Psicologia e não possui restrições de número de sessões.

O atendimento pode ser feito através de diversas plataformas, como: WhatsApp, Zoom, Hangouts, entre outras.

A psicoterapia online é bastante acessível, já que existe a possibilidade de realizar a consulta no conforto da sua própria casa. Pode-se agendar sessões fora do horário comercial e em dias mais convenientes, como finais de semana.

Para exercer a profissão, um psicólogo precisar estar inscrito no Conselho Regional de Psicologia (CRP).

Para conferir se o profissional está devidamente regulamentado, entre em contato com o CRP pelo telefone (21) 3613-8700 ou faça a consulta através do site do órgão.

 

Veja Também

PIS/Pasep: governo libera dois lotes de até R$1.045

Os trabalhadores seguem com possibilidade de novos saques do PIS/PASEP. O Governo Federal começou a ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *